A semana de 15 a 21 de julho de 2019

Por

Conheça o tom geral da semana informando-se sobre os principais aspectos que os planetas farão entre si.

CÉU DA SEMANA

Semana traz crises e necessidades de transformação em finanças ou nas relações

O céu de julho é intenso, sendo que nesta terça-feira (16) temos lua cheia e eclipse lunar. Um forte eclipse com repercussões para os próximos seis meses.

Eclipse lunar sugere transformações na vida pessoal e trabalho

A fase lunar cheia é a de maior impacto das relações, eventualmente, até com um certo exagero, o que pode ocorrer nesta semana, em que questões ligadas a poder e crises podem emergir, especialmente nas relações e finanças. O céu está pedindo transformações de atitudes, e isto muitas vezes implica em se olhar não só para o que o outro está fazendo de errado, mas para o que nós mesmos também somos coniventes, pois não raro retroalimentamos coisas que não desejamos nas nossas relações, muitas vezes por comodismo e preguiça.

Neste sentido, uma quadratura Marte/Urano, presente desde a semana passada, pede novas atitudes e mudanças. Eventualmente, agita o dia a dia e traz imprevistos, no que é reforçada por Mercúrio retrógrado até 01/08, pedindo jogo de cintura.

Na sexta-feira (19), Mercúrio sai de Leão e volta a Câncer, onde a ótica é balizada pelo mundo afetivo e das emoções.

Mudanças e novas direções

Até meados desta semana, Marte está em quadratura com Urano, aspecto que pode ocasionar agitação, rebeldia, acidentes e imprevistos. Pode-se ter de lidar com mudanças não desejadas. E as pessoas ficam mais suscetíveis a estourar. Portanto, duas dicas são úteis aqui: jogo de cintura para imprevistos que possam surgir e para entender com o que não adianta se rebelar.
Todavia, esta energia, quando bem usada, libera, ajuda a desabafar e a realizar guinadas e mudanças de direção.

Portanto, ela só não fica bem quando motiva imprudência e atos irracionais, sem passar pelo filtro do discernimento. Sabendo disso, você tem maior poder de escolha. Marte passa por Leão, um signo criativo e de autoexpressão. Como você vem se saindo nestes quesitos?

Indecisão e menor clareza em julho

Mercúrio segue retrógrado, condição até o dia 01/08. Sempre que está retrógrado, o que ocorre 3 vezes por ano, durante cerca de 20 dias, Mercúrio gera reflexão. A tomada de decisão costuma ser mais lenta do que quando está direto, como se tivéssemos a necessidade de recolher mais dados e avaliar mais. Portanto, se está indeciso em algo, é normal e vai sentir melhoras a respeito disso em agosto. Além disso, julho é mês de eclipses, que produzem uma sensação intensa, como se tivesse ocorrido um “apagão”, o que também pode subtrair a clareza.

Sexta-feira: planeta da mente volta para signo da emotividade

Mercúrio vem passando por Leão, quando nos tornamos mais assertivos na defesa de nossas ideias. Além disso, o foco mental está no amor, lazer, vida pessoal, criatividade, filhos, temas leoninos.
A partir de sexta-feira (19), Mercúrio retorna para Câncer, onda, para seus padrões habituais, já que é um planeta de trânsito rápido, fica um longo tempo: até 11/08. Isto significa quase um mês de uma forma canceriana de pensar e se comunicar. Confira o lado positivo e negativo deste posicionamento para usar melhor seus potenciais.

Tendências negativas de Mercúrio em Câncer:

– pensamento suscetível, sensível em excesso, com mais facilidade em se magoar;
– chantagens emocionais pegam mais;
– emergência de pensamentos nostálgicos, que algumas vezes trazem tristeza e melancolia.
– pontos de vista excessivamente matizados pela subjetividade. Exemplo: se algo envolve um familiar, dificuldade em enxergar os fatos. Ou então em ser imparcial se um assunto tocar em um ponto cego emocional.

Tendências positivas de Mercúrio em Câncer:

– palavras mais gentis e acolhedoras;
– pensamento sensível e intuitivo, captando entrelinhas;
– valorização do passado, história, cultura, bases e família;
– comunicação com pessoas significativas do passado;
– foco no âmbito da vida particular e também em relação a casa física;
– de um modo geral, a não ser que o céu traga outras inclinações, maior tato para conversar certas questões, expondo com clareza sentimentos e necessidades;
– bom momento para eventos com conhecidos, como reunir o pessoal formado na faculdade há quinze ou trinta anos atrás.

Lidando com crises e complexidade, em especial nas relações

Alguns aspectos difíceis se sobrepõem: uma oposição do Sol com Plutão, atuando até meados da semana, uma oposição entre Vênus e Saturno, atuando até sexta-feira (19), e de Vênus com Plutão, atuando até terça-feira da próxima semana (23).

Isto faz emergir crises, complexidades, barreiras, limites e até chance de confrontos. E, como o Sol e Vênus transitam pelo emotivo Câncer, tudo isto mexendo com a sensibilidade e com o emocional (Câncer). A combinação traz uma mistura de medo, cautela, defesa e muita intensidade. Questões afetivas e financeiras tendem a estar em foco, em especial em seus bloqueios.

As oposições Sol/Plutão e Vênus/Plutão podem implicar em um forte lado instintivo, a respeito dos quais poderemos estar em luta, tentando segurar. Vênus/Plutão fala em paixões, mas também em compulsões. Pode ser importante observar, porém, se não estamos enxergando “cabelo em ovo”, ou reagindo de forma excessiva. As relações podem estar mais bloqueadas ou com impedimentos nesta semana, particularmente até a sexta-feira, enquanto atua a oposição Vênus/Saturno. Depois, com a prevalência de Vênus/Plutão, relações intensas, mas nem sempre positivas, com alta voltagem de química e atração.

Vênus/Plutão fala em relações em que domínio e poder podem estar presentes
Vênus/Plutão fala em relações em que domínio e poder podem estar presentes

Todavia, podem, de fato, surgir situações difíceis envolvendo o poder – ou a falta dele. Não é tempo de bater de frente se o poder pessoal for baixo, especialmente em locais e/ou circunstâncias perigosas, como comunidades. Figuras de poder que não sejam equilibradas vão estar bastante arbitrárias e sem limites.

Potencial, também, de mudanças vistas como negativas. Há chance de perdas de animais de estimação e entes queridos que estiverem seriamente debilitados, com Vênus/Plutão atuando até meados da próxima semana.

No amor, potencial de situações críticas, que podem ensejar términos, ou, então, revisões, novos limites e/ou acordos. O que não está bem é mostrado, o que pode ser positivo, pois em geral o que não está bem já vem de algum tempo e tende a ser jogado para debaixo do tapete. Porém, pode não ser fácil lidar com isto com sinceridade, profundidade, franqueza, e, ao mesmo tempo, com maturidade.

Período pede atenção com investimentos e dinheiro

Questões financeiras e de autoestima também podem surgir. Não como um problema pontual, e sim, como uma crise aguda de algo que já vem vindo há algum tempo. Não é uma semana de sobras financeiras, podendo até surgir despesas necessárias onerosas.

No âmbito coletivo, conflitos também podem se acirrar em vários locais do mundo, por motivos diversos, desde medidas de protecionismo a problemas econômicos.
Em geral, período desaconselhável para investimentos, com tendência a retração e perdas posteriores. Não é a melhor fase para cirurgias estéticas, especialmente se não forem muito bem referenciadas, com altas chances de terem correções posteriores.

Fim de semana tem aumento de expressividade na comunicação e elevação de energia

Do lado positivo, Vênus/Netuno traz empatia em algumas relações e/ou apoio. A partir da sexta-feira (19), Sol/Mercúrio em Câncer aumenta a expressividade e brilho na comunicação e no plano das ideias. Marte começa um trígono com Júpiter a partir domingo (21), elevando a energia e autoestima.

Livro de Vanessa Tuleski, sobre como cada signo representa uma etapa na nossa vida. Versão impressa e book.


=> Siga a astróloga Vanessa Tuleski no Instagram

=> Receba e-mails semanais enviando uma mensagem para vanessatuleski+subscribe@googlegroups.com e aguardando instruções automáticas. 

Deixe um comenário