A semana de 2 a 8 de março de 2020

Por

CÉU DA SEMANA

Possibilidade de indisposições e empecilhos, mas busca por novidades a partir do final de semana

Esta semana vai ter uma mescla de aspectos variados. Sol conjunto com Netuno pode nos deixar mais distraídos, o que combina com a retrogradação de Mercúrio até 10/03. Não é o melhor momento para tomar e/ou comunicar decisões importantes. Também pode baixar a imunidade ou a disposição (mas passa).

Por outro lado, a mente vai estar esperta para muitos assuntos, com Mercúrio em sextil com Urano, e aberta a novidades. Além disso, a semana é boa para contatos rápidos, com Mercúrio em sextil com Vênus, e para a vida cultural.

Porém, Vênus em quadratura com Saturno pode trazer empecilhos e/ou uma maior exigência para as relações, prazer, bolso e vida social até quinta-feira (05). Depois disso, Vênus inicia uma conjunção com Urano, com forte anseio por liberdade e novidade, mas menos paciência também.

Passada esta fase de menos paciência, até 11/03, Vênus em Touro ajuda a estabilizar relações e a desfrutar do melhor delas, com este posicionamento positivo, pois é o domicílio de Vênus, até o início de abril.

Sol e Netuno: imaginação e distração

Things-You-Probably-Didnt-Know-About-Dreaming-RM-722x406

Até quinta-feira (05), o Sol faz sextil com Marte, aspecto que traz iniciativa e um estio mais direto de agir. Porém, justamente a partir da quinta-feira (05), podendo dar sinais até um pouco antes, o Sol fica conjunto a Netuno, com efeitos durando uma semana. Este é um contato que pode mesclar pontos negativos e positivos, e que vai ser bem notado, por isto é bom conhecer os detalhes, lembrando que nem todas as possibilidades precisam ocorrer.

– Do lado negativo, pode haver aumento de sono, indisposição, queda na imunidade, baixa de pressão e propensão a viroses. Sim, se você pensou no coronavírus, há tendência a maior alastramento nesta época.

– Outra chance é a de ficarmos mais distraídos, atrapalhados, lidarmos mais com atrasos e demoras, lembrando que que isto é reforçado por Mercúrio retrógrado, que tem efeitos parecidos, e que está presente até 10/03.

– Potencial, também, de promessas que não se cumprem e decepções. Mas existe o outro lado, pois Netuno também traz encantamento, e de sábado (07) até o outro sábado (14), o Sol também faz sextil com Júpiter, que é um aspecto que levanta, anima e propicia sorte. A mistura de Sol/Netuno/Júpiter pode pedir para aprendermos a deixarmos fluir e tirar o melhor proveito possível das circunstâncias para viver o melhor delas.

– Um outro efeito é que parece baixar a motivação, mas só por alguns dias. Pode dar um pouco de preguiça ou desconexão com a realidade, menos desejo de batalhar, lutar, ter ambição. Como a letra da música: “deixa a vida me levar, vida leva eu”. Não se preocupe, pois esta faceta mais “hippie” dura só alguns dias.

– Do lado positivo, é ótimo para contemplar, relaxar, curtir um pouco. Se possível, fique com a agenda menos cheia, para poder fazer isto. Netuno também adora filmes, cinema e artes, bem como meditação e espiritualidade.

– Um outro efeito possível é a falta de clareza, aumentada, também, por Mercúrio retrógrado. Pode-se ficar confuso com coisas que normalmente não se ficaria. Também fique atento para não acreditar nas primeiras aparências, pois há uma possibilidade de enganos e fantasias.

Mercúrio e Vênus: positivo para contatos rápidos

Sim, Mercúrio está retrógrado, o que traz mais atrapalhos no dia a dia e distrações, mas faz um ótimo aspecto com Urano até terça-feira (03) e um ótimo também com Vênus até quinta-feira (06). O primeiro traz insights, percepções rápidas, novas ideias, propostas e caminhos. Digamos que a mente fique turbinada.

Mercúrio retorna a Aquário na quarta-feira (04) onde fica até 16/03: este é um posicionamento antenado, futurista, em que a mente se interessa mais por experimentos, coisas originais e tem mais conexão com o coletivo.

Já Mercúrio/Vênus é ótimo para interação e contato, inclusive para retomadas de conversas, como rever amigos, visitar pessoas conhecidas, etc.  A palavra tende a ficar mais carismática e afetuosa. Bom também para passeios e vida cultural.

Âmbitos social, financeiro ou de lazer com obstáculos

Os aspectos desafiadores da semana ficam por conta de Vênus em quadratura com Plutão até o início da semana e em quadradura com Saturno até quinta-feira (06), logo a seguir emendando uma conjunção com Urano. Alguns efeitos possíveis até quinta-feira:

– Inclinação a crises nas relações ou, ainda, um tempo de avaliação a respeito delas. Existe o lado bom, que é observar o que realmente não vai bem.

– Mas tome cuidado também para, por causa de algo pequeno, não fazer uma tempestade em copo d’água. Há muito mais suscetibilidade.

– Podem acontecer impedimentos e obstáculos na vida social, seja por conta de trabalho, gripe ou até mesmo por não se estar tão disposto.

– Depois do Carnaval, algumas pessoas vão lidar com o tema do bolso apertado, conter despesas, pagar contas ou retomar a alimentação mais balanceada.

Vênus/Urano: em busca de liberdade

Já os aspectos de Urano, que começam logo a seguir do término do de Saturno, e vão até 11/03, trazem nuances diferentes.

– Chance de riscos e acontecimentos súbitos para pessoas próximas.

– Possibilidade de gastos inesperados com algo necessário, como um celular ou máquina de lavar que quebram e cujos consertos não compensam.

– Menos paciência nas relações e mais desejo de independência. Assim, não é tempo de pegar no pé de ninguém, pois o resultado vai ser uma reação impaciente.

– Do lado positivo, para quem curte e está solteiro, liberdade, diversidade e experimentação.

– Desejo de experimentar coisas novas e sair da mesmice. Favorecimento de programas diferentes do habitual.

– Casais podem ficar meio afastados, talvez até por motivos naturais, como viagens e compromissos. Mas também são possíveis estremecimentos e separações para aqueles que realmente não vêm bem.

Vênus em Touro em março: relações mais estáveis

Uma boa novidade é que Vênus ingressa em Touro, seu domicílio, a partir da quarta-feira (05), ficando neste signo até 03/04. Vênus em Touro é um posicionamento afetuoso, sensual e tendente ao entendimento e conservação de vínculos (mas com menos paciência até 11/03, durante a conjunção com Urano). Há apreciação de beleza, estabilidade, gastronomia, conforto e coisas boas.

A fase tende a ser boa para solteiros que queiram encontrar alguém para se firmar (mas é preciso passar a conjunção com Urano. Para comprometidos, é hora de demonstrar mais o que se sente, já que este signo gosta de manifestações físicas de afeto e ter certeza que é apreciado/amado. Por isto, jantares, viagens e presentes podem cair muito bem.

 


=> Siga a astróloga Vanessa Tuleski no Instagram

=> Receba e-mails semanais enviando uma mensagem para vanessatuleski+subscribe@googlegroups.com e aguardando instruções automáticas. 

2 comentários sobre “A semana de 2 a 8 de março de 2020”

Olá Vanessa,

Primeiramente é um enorme prazer está te enviando um e-mail. Sempre te acompanho pelo site e suas previsões astrológicas, mas não entendi as datas do post abaixo:

Vênus em Touro em março: relações mais estáveis

Uma boa novidade é que Vênus ingressa em Touro, seu domicílio, a partir da quarta-feira (05) (quinta-feira), ficando neste signo até 03/02 e que data é essa?. Vênus em Touro é um posicionamento afetuoso, sensual e tendente ao entendimento e conservação de vínculos (mas com menos paciência até 11/03, durante a conjunção com Urano). Há apreciação de beleza, estabilidade, gastronomia, conforto e coisas boas.

Obrigada pela atenção.

Jesilaine, muito obrigada pela mensagem e por chamar a atenção para um erro de digitação. Vênus fica em Touro até 03/04. Um abraço enorme para você! ♥

Deixe um comenário