Céu da semana de 10 a 16 de maio de 2021

Por

Semana de Lua Nova tem tom positivo, inspirado e inovador, e é marcada pelo ingresso de Júpiter em Peixes na quinta-feira

Flor foto criado por lookstudio – br.freepik.com

Existem semanas que, guardadas as proporções em um ano de pandemia, por si só coletivamente difícil, são uma espécie de “oásis astrológico”, e é o caso da segunda semana de maio, com predominância de aspectos fluentes, como o delicado sextil entre Sol e Netuno, que aumenta a empatia e suaviza as pessoas, ou o libertador e criativo aspecto entre Marte e Urano, que incrementa inovação e criatividade, ajudando a encontrar novos caminhos.

Mercúrio também se alinha muito bem com Saturno, conferindo consistência ao pensamento, com uma excelente vibração para decisões de longo prazo e/ou de maior importância na vida.

Para contrabalançar um pouco, Vênus quadra Júpiter até a metade da semana, o inclina a alguns exageros.

E, finalmente, na semana de Lua Nova, que ocorre na terça-feira (11), renovando os ânimos e propiciando um novo ciclo, Júpiter ingressa em Peixes na quinta-feira (13), para uma rápida passagem por pouco mais de dois meses, quando retorna a Aquário, que é o posicionamento de Júpiter que dá o tom de 2021.

Todavia, Júpiter em Peixes pode ser muito bom para ações solidárias, fazer com que as pessoas fiquem mais sensíveis umas às outras, fomentar a criatividade na música e na arte e iniciar lentamente uma solução para o grave impasse da pandemia. Lembrando que Júpiter, depois de sair de Peixes em 28/07, só reingressa novamente neste signo no finalzinho de 2021, então até lá tem muita água para passar debaixo da ponte, como dizem, mas este momento pode ser de maior empatia coletiva.

Sol em sextil com Netuno: mais leveza e intuição

Até domingo (16), o Sol faz um contato harmonioso com Netuno, permitindo que nos liguemos mais a nossa intuição e que a vida flua com mais leveza. Este aspecto suaviza, traz uma disposição mais benevolente e desperta criatividade. Para quem tem práticas medicativas e/ou espirituais, são dias de ótima conexão!

E uma outra boa notícia ligada ao Sol é que, a partir de sábado (14), ele inicia um trígono com Plutão, que é um aspecto de recuperação e força. Para quem esteve abatido, ajuda a levantar, renascer. Além de tudo, nos coloca mais em conato com as nossas motivações, trazendo mais garra.

Mercúrio em trígono com Saturno: organização mental

Um outro ótimo aspecto é o de Mercúrio em trígono com Saturno, também permeando toda a semana. Assim, apesar de uma boa intuição geral, garantida pelo sextil do Sol com Netuno, este aspecto privilegia também o lado racional, com um aumento do bom senso e da concentração. Muito bom, assim, para trabalhos intelectuais, busca de dados, solução de questões práticas e assinatura de contratos.

Há uma tendência a avaliação de situações com mais realismo e cuidado, bem como no uso das palavras. Ótimo para comunicações com figuras de autoridade, em que se precise de articulação verbal, mas uma postura respeitosa.

Aproveite, também, que o plano mental também estará em condições de avaliar melhor situações profissionais e questões de longo prazo.

Até a metade da semana, em compasso de exagero

Até terça-feira (11), está pressente a quadratura de Vênus com Júpiter, que vem desde a semana passada e tende a exageros, seja de gastos, comida ou até de expectativas. Tenha em mente esta tendência a empolgar em excesso.

Solteiros, levem em conta isto também nas paqueras, para não acharem que estão diante do(a) príncipe/princesa encantado(a), e mais tarde se provar não ser bem isto que estava acontecendo.

E, como Vênus diz respeito a dinheiro, em relação a compras e investimentos, não é hora de excesso de arrojo e confiança e/ou de colocar todos os ovos em uma cesta só, em uma disposição de muito otimismo, apesar de a vontade ser esta.

Marte em bom aspecto com Urano: libertação e inovação

Mais um ótimo aspecto nesta semana, presente de 06 a 17/05, é o sextil entre Marte e Urano, veja no que ele pode ajudar.

– Reformulações, mudanças e modernizações.

– Libertação. Dá muito mais coragem para isto.

– Inovações e novos caminhos.

– Criatividade e soluções de improviso, que trazem resultados positivos inesperados. Sabe quando há um problema e alguém saca uma boa e inovadora ideia para resolver? É isto.

 – Também permite que você atue com uma certa independência mesmo que tenha que cumprir prazos e lidar com responsabilidades. Apesar de tudo, as ações fluem.

Assim, aproveite este bom aspecto, nesta e na próxima semana, para se libertar do que não serve e fazer mudanças com maior facilidade, pois aqui não há uma energia de bater de frente. Estas mudanças acabam saindo de forma natural, pois você se sente mais livre por dentro e sem tantas amarras. Além disso, externamente, as circunstâncias tendem a prendê-lo menos.

O ingresso de Júpiter em Peixes na quinta-feira

Por último, e não menos importante, Júpiter ingressa em Peixes na quinta-feira (13), ficando neste signo até 28/07.

Para você entender a importância disso, Júpiter é considerado um planeta lento na Astrologia, que passa um ano em cada signo, trazendo uma influência coletiva, na qual todos se inserem.

Entrou em Aquário no finalzinho de 2020, e, desde então, foi visível o desejo de avançar, modernizar e até a sede por grupos e trocas. Do lado negativo, ficou muito mais difícil na pandemia conter aglomerações, já que Aquário rege grupos e amigos. Júpiter vai voltar para Aquário em 28/07 e transitar neste signo até 29/12.

Nesta semana, Júpiter vai passar a transitar por Peixes por pouco mais de dois meses, e isto muda o tom coletivo de diversas formas. Veja, a seguir, algumas delas.

– Aumento da emotividade, enquanto que, com Júpiter em Aquário, há um aumento da racionalidade e desapego. Só isto vai dar uma mudança de tom coletivo bastante evidente e você vai perceber dentro de você esta mudança também.

– Júpiter aumenta tudo o que toca, então vai amplificar o lado positivo e negativo de Peixes.

– Negativo: inconsciência, irresponsabilidade, consumo de drogas e álcool, transtornos psíquicos, escapismos, ilusão, desorganização.

– Positivo: ações solidárias, vontade de ajudar, inspiração, arte, musicalidade, criatividade, espiritualidade.

Apesar de tudo, Júpiter é regente de Peixes, junto com Netuno, sendo que a entrada de Júpiter no seu signo de domicílio tende a aumentar o fluxo de esperança. Peixes também rege vacinas, e a passagem de Júpiter em Peixes é um sinal auspicioso para esta situação de pandemia, como se marcasse o início efetivo da solução deste grande impasse mundial, com mais reflexos disso, todavia, quando Júpiter volta para Peixes, no finalzinho de 2021.

Siga todas as notificações de Vanessa Tuleski no Telegram: https://t.me/vanessatuleski

Deixe um comenário