Céu da Semana de 14 a 20 de dezembro de 2020

Por

Semana excepcional concentra eventos astrológicos importantes que vão reverberar no próximo ano: eclipse solar e ingresso de Saturno e Júpiter em Aquário

Desta segunda-feira até a próxima (21), ocorre uma excepcional conjugação de eventos astrológicos de grande porte.

  • Segunda-feira (14) é dia de Lua Nova e eclipse solar: esta é uma Lua Nova com eclipse, o que significa que ela traz tendências para 30 dias, como Lua Nova, mas mais 5 meses adicionais, como eclipse. Leia o artigo sobre o eclipse, com seus pontos fortes e fracos, que vai dar detalhes sobre o tom que vai predominar no âmbito coletivo e pessoal pelo próximos 6 meses.
  • Dois planetas lentos trocam de signo: Saturno e Júpiter ingressam em Aquário na quinta-feira (17) e no sábado (19), mostrando qual vai ser o tom de 2021. Júpiter fica um ano em cada signo e Saturno dois anos e meio e ambos estiveram em Capricórnio em 2020, ano palco de vários ciclos macros (por isto, um acontecimento do porte de uma pandemia não foi exatamente uma surpresa para os astrólogos). Nesta semana, os dois “grandões”, como se brinca no jargão astrológico, ingressam em Aquário, falando em avanços tecnológicos em 2021 e um tom mental, de atenção ao coletivo e de modernização.
  • E, se você achou que era pouco, tem mais troca de planeta: Vênus  e Mercúrio, na terça-feira e no domingo: Vênus sai do intenso Escorpião e passa para o animado Sagitário,  que vai dar as cartas nas relações, e Mercúrio sai de Sagitário, onde é mentalmente mais otimista, para o pragmático Capricórnio no domingo, trazendo uma nova forma de pensar.
  • E, como se já não fosse o bastante, na próxima segunda-feira (21), começa o Solstício de verão no Hemisfério Sul, com o ingresso do Sol em Capricórnio, e um encontro que leva 20 anos para acontecer: Júpiter e Saturno em exata conjunção. A conjunção de Júpiter e Saturno inaugura um ciclo com novas tendências sociais, políticas e econômicas para os próximos 20 anos.
  • Até a metade da semana, Mercúrio em dissonância com Netuno traz mais confusão em sistemas. Mas, apesar disso, com Mercúrio e Sol em bom contato com Marte, vamos fazer de tudo para as coisas andarem, o que deve acontecer mais facilmente da metade da semana em diante.
  • Bons aspectos de Vênus fazem fluir relações e finanças pelos próximos dias.

Saturno ingressa em Aquário na quinta-feira: dois anos de busca coletivas por mudanças

Em 20/12/2018, Saturno ingressou em Capricórnio, cujo trânsito termina nesta quinta-feira (17), com o ingresso em Aquário. Ainda em 2020, Saturno esteve rapidamente em Aquário entre 22/03 e 01/07, e, enquanto transitou por este signo rebelde e questionador, foi notável o aumento de passeatas e protestos.

Desta vez, fica em Aquário até 07/03/2023, portanto, os próximos dois anos. Saturno em Capricórnio reverberou em um forte anseio coletivo de ordem, em que a tendência foi a escolha de dirigentes que inspirassem isto, com inclinação conservadora, bem de acordo com um signo do elemento Terra prefere.

Saturno em Aquário vai reverberar em um anseio por mudança, reformas e maior igualdade social, com a tendência de escolha de dirigentes com um estilo mais progressista. Tende a ser uma época de avanços, mas também muito mais agitada do que a passagem de Saturno por Capricórnio.

Na última vez em que Saturno esteve em Aquário, de 1991 a 1993, nações se fragmentaram, dando origem política a novos países, enquanto novos blocos surgiram, como a União Europeia e o Mercosul. Além disso, no Brasil, pela primeira vez um presidente sofreu um processo de Impeachment. Fernando Collor de Mello, eleito em 1989, ainda com Saturno em Capricórnio (desejo de ordem) com a missão de “acabar com os marajás”, foi descoberto depois envolvido em um escândalo financeiro. Na época, os jovens se pintaram para protestar, ganhando o apelido de “caras pintadas”.  Portanto, estamos, nos últimos dias de 2020, iniciando uma nova época de grandes mudanças e questionamentos coletivos, que vão atingir a todos. Não espere continuidade e acomodação em 2021.

Saturno em Aquário de 2021 a 2023: tempo de mudanças

Júpiter ingressa em Aquário: cresce a busca por avanços na ciência, inovação e tecnologia

No sábado (19), mais um ingresso importante: o de Júpiter no signo de Aquário, para uma passagem que vai durar até 29/12/2021 (observando-se que passa rapidamente por Peixes entre 13/05 a 28/07).

Júpiter esteve em Capricórnio desde 02/12/2019. Neste período, foi notável um aumento notório de dedicação ao trabalho e carreira, temas capricornianos. Muitas pessoas relatam terem trabalhado muito durante a pandemia em esquema de home office. Além disso, cientistas e profissionais de saúde trabalhavam incansavelmente na busca de vacinas e no cuidado aos pacientes.

Júpiter expande as questões do signo em que transita, e, em Aquário, expande o desenvolvimento tecnológico, as modernizações e a necessidade de se relacionar mais com o coletivo. O Personare preparou um artigo inteiro sobre como se alinhar com este trânsito, com dicas inclusive para o Ascendente em 2021.

Júpiter em Aquário em 2021 e os significados para o seu Ascendente

2021 vai se caracterizar como um ano fortemente aquariano (leia artigo), signo que pede para “andar para a frente”, se atualizar. Tende, também, a uma aceleração. Todavia, 2021 também vai ser marcado pela quadratura entre Saturno e Urano, com um embate entre o velho e o novo, inclusive na questão da pandemia. Desejaríamos deixar 2020 para trás rapidamente, mas ainda vamos ter de lidar com restrições (Saturno) até que ocorra uma libertação (Urano), então, vai ser preciso um pouco mais da paciência que 2020 exigiu.

Sistemas falham, mas nós corremos atrás para que funcionem

Depois de uma sensível quadratura do Sol com Netuno, presente na semana passada, gerando uma certa confusão, baixa vitalidade e desnorteamento, no início desta semana, o astro Rei começa a se afastar do contato com o planeta azul e ainda forma trígono com Marte, com um mote: mãos à obra. Vamos sentir que precisamos agir, produzir, até porque se avizinha a semana de natal, que, mesmo sendo atípica em um ano de pandemia, ainda assim vai ensejar algum tipo de ação ou preparativo.

Um outro ponto é que o Sol fica conjunto com Mercúrio de agora até 25/12, ampliando a necessidade de falar, se comunicar e aumentando a expressividade. Inteligência em alta.

Mercúrio em quadratura com Netuno: plano mental mais confuso e embaçado até a metade da semana

Falando em Mercúrio, este planeta é que fica, até que, como o Sol ficou na semana anterior, entre um aspecto fluente com Marte, até quinta-feira (17), e um desafiador com Netuno com bastante intensidade até terça-feira (15), dissolvendo-se a partir da quarta-feira.

Vamos primeiro a Mercúrio/Netuno.

– Algo parece confuso, pouco claro, nebuloso? É o “efeito Netuno”. Se puder, espere alguns dias para ter maior clareza. E, se puder aguardar mesmo, muita coisa vai ser mais clara depois de 30/12, com a chegada da fase lunar cheia.

– Tudo envolvendo comunicação se tornar mais atrapalhado. Atenção para as lives e reuniões online, que podem ter falhas diversas.

– Aumento de distrações e mal-entendidos, por isto confira mais o que fizer e se empenhe para a comunicação ser o mais possível clara.

– Bom para meditação e trabalhos interiores, o que pode ajudar também a organizar confusão mental, comum neste aspecto.

Mercúrio em bom contato com Marte, por outro lado, favorece tentar agilizar assuntos, o que é uma ótima notícias depois desta confusão toda. Traz, também, uma linguagem mais direta.

Vênus e Mercúrio trocam de signo e mudam a forma de interagir e pensar

E não são só planetas lentos, como Júpiter e Saturno, que trocam de signo nesta semana: Mercúrio e Vênus também. Portanto, esta é uma semana em que, possivelmente, vamos sentir uma mudança interna significativa ao chegar no final dela.

Mercúrio, o planeta do pensamento, que esteve no otimista (às vezes até em excesso) Sagitário de 01 a 20/12, entra no pragmático e realista Capricórnio no domingo (20), ficando neste signo até 08/01. Assim, depois de uma fase mais animada e expansiva mentalmente, a tendência é de retração e busca de dados. Capricórnio, mais cauteloso que Capricórnio, precisa se pautar na realidade, o que é ótimo, pois se comete menos erros. Só cuide com uma visão amarga ou realista em excesso.

Vênus também sai do intenso e intimista Escorpião, onde ficou de 21/11 a 15/12, para ingressar em Sagitário na tarde de terça-feira (15), signo por onde transita até 08/01. As relações, que tinham mais proximidade, mas, por outro lado, em algumas situações, um tanto da desconfiança escorpiana, ficam mais abertas e animadas, que combina com o final do ano. Mesmo no amor, este trânsito (saiba mais aqui) favorece, para solteiros, um clima mais solto e casual, que pode até se tornar mais sério mais tarde, porém não agora. E, para comprometidos, pede para romper um pouco a rotina.

Assim, vamos ter um pensamento mais sério até 08/01, com Mercúrio em Capricórnio neste signo a partir de sábado, mas uma forma de se relacionar mais expansiva e extrovertida, com Vênus no animado signo do arqueiro também até este mesmo dia

As boas novas de Vênus

Se o planeta do amor “comeu o pão que o diabo amassou” em novembro, envolvido em aspectos de tensão, gerando muito estresse e até desentendimentos, dezembro (com exceção dos últimos dias), está sendo o paraíso venusiano, só com aspectos positivos, que atravessam esta semana até a sexta-feira (17): um sextil com Júpiter e um outro  com Saturno, que pode trazer boas notícias nas finanças ou sorte e beneficiamento em algo. Tende a haver, também, uma atitude mais madura nas relações que, de um modo geral, evita os dramas e choques desnecessários.

Diga-se de passagem, aliás, que Vênus em Sagitário a partir de terça-feira não curte muitas discussões de relação, sendo melhor deixá-las, se for o caso, para a partir de 08/01. Até lá, curta o final de 2020 e o início do próximo ano com os seus.

Por fim, Vênus/Júpiter traz doses de alegria para as interações, encontros, bate papos, além de ajudar em negócios e investimentos, no que o contato de Vênus também com Saturno traz mais solidez.

Deixe um comenário