Céu da semana de 22 a 28 de fevereiro de 2021

Por

Última semana de fevereiro tem Céu com vários estímulos positivos

A última semana de fevereiro vai ser especialmente positiva, com Mercúrio tendo retomado o movimento direto, o que vai ajudar a flui melhor todos os assuntos do dia a dia.

Um sextil entre Sol e Urano garante maior agilidade e favorece em liberação e “viradas de página”, bem como em novidades.

Mercúrio segue em conjunção com Júpiter, trazendo visão mais ampla, devendo-se apenas evitar os exageros do excesso de empolgação.

Vênus ingressa em Peixes na quinta-feira (25), abrindo uma temporada mais positiva para o amor e relacionamentos em geral.

E Marte em poderosa sinergia com Plutão cai bem em um momento em que os índices de contaminação e mortes por COVID-19 estão bem altos em várias partes do mundo, trazendo uma energia de combate e estratégia em vários lugares que estão optando por coibir aglomerações.

Por fim, entenda um pouco a quadratura Saturno/Urano, o aspecto que vai dar o tom de 2021.

Estímulo e mudanças com Sol em sextil com Urano

Com Mercúrio direto desde o sábado (20), e com o Sol em sextil com Urano durante toda a semana, ganha-se em desembaraço e agilidade. O que estava lento ou empacado volta a andar e pode até se resolver.

O aspecto Sol/Urano é também de libertação, liberdade, independência e virada de página. Ainda que o Sol esteja no sensível Peixes, sabe aquela propensão a “arrastar corrente” por qualquer tipo de sofrimento? Pois tende a não vai se realizar, em especial se você buscar estímulos e coisas novas. Novidades podem surgir por estes dias, novos ventos e direções ou você pode criar isto. O momento vai ser ótimo para coisas novas!

Se tem algo que o esteja prendendo, também pode dar para tentar se livrar ou sair com diplomacia, sem que seja preciso um rompimento brusco.

Mercúrio em conjunção com Júpiter: otimismo e novas ideias versus delírio e arrogância

Ocorrendo desde o dia 14/02, prossegue a conjunção de Mercúrio com Júpiter, que se estende até 08/03. Esta combinação pode nos ajudar a enxergar mais amplo. De um modo geral, desperta otimismo, novas ideias (em especial porque ocorre em Aquário, signo bastante ligado a isto) e, nas conversas, produz ótimas e produtivas trocas, e ainda com um tom de leveza e descontração.  O humor está no ar!

Porém, onde quer que estejamos nos sentindo limitados, esta conjunção também torna clara a insatisfação. Nem sempre isto é ruim, se mobilizar a agir em prol de crescimento, o que é diferente de apenas reclamar e não fazer por onde.

Outra “sombra” deste em geral ótimo aspecto é a “síndrome do estou com toda a razão”. O otimismo é algo muito bom de Mercúrio/Júpiter, mas não a arrogância. Ademais, o excesso de otimismo pode levar a avaliações incorretas de situações.

Nas comunicações, até 08/03 vai haver um poder grande de persuadir e causar animação nas pessoas. Ótimo momento para fazer e disponibilizar cursos, consultorias e consultas, pois o plano mental está em total destaque.

Vênus/Marte: propensão a gastos maiores e comilança

Vem desde a semana passada uma quadratura entre Vênus e Marte, que termina na quarta-feira (24). A questão dos relacionamentos pode estar incomodando mais, com uma sensação de desencaixe, não raro subjetiva. Exemplo: a pessoa solteira, procurando alguém há algum tempo, sente uma certa frustração em relação a isto ou alguém em um relacionamento pode se incomodar um pouco mais com os defeitos recorrentes de um parceiro. Além disso, há um potencial para desentendimentos também ou ter de se brigar por algo, como, por exemplo, quando você está tendo um problema com uma loja ou empresa e tem de lutar pelos seus direitos.

Um outro ponto é que esta quadratura coloca mais ênfase no prazer. Então andar na linha por estes dias pode ser mais difícil. Há mais tendência a gastar, comer ou beber mais. Tudo bem se mais tarde você voltar ao rumo de novo. Todavia, o aspecto é mais complexo se houver gastos maiores que estejam sendo feitos por impulso. Atenção também para atitudes impulsivas que possam trazer risco ou prejuízo.

Vênus ingressa em Peixes, signo onde tem uma atuação especial

Vênus ingressa em Peixes na quinta-feira (25), ficando neste signo até 21/03. Vênus tem uma afinidade especial com Peixes, chamada em Astrologia de “exaltação”, que é como se os atributos do planeta ficassem especialmente visíveis naquele signo. Vênus rege amor, relacionamentos, arte e beleza e é notório como há um aumento da sensibilidade para o belo durante este trânsito, da tolerância para as relações em geral e de romantismo para o amor.

Para quem é comprometido é hora de gestos mais sensíveis, que demonstrem sentimentos, e, para quem está procurando um par, a chance de encantamento vai ser muito maior. Claro que é bom se precaver, contudo, com o excesso disso, que pode não deixar enxergar grandes defeitos que estão à vista. Mas é maior a possibilidade do famoso “encaixe”, do “bati o olho e gostei”, indo além de uma atração física, sendo fruto de uma conexão maior.

Nas relações em geral, o clima é de maior tolerância e perdão. Se você estiver precisando se reconciliar com alguém, muna-se de coragem e diplomacia e aproveite este momento em que o chakra cardíaco vai estar mais aberto.

Nas compras, o apelo vai ser para gastar com o que produza entretenimento e encantamento. Se estivéssemos em uma época normal, sem pandemia, mais pessoas iriam a shows, teatro e cinema. Mas há sempre forma de buscar este encantamento por muitas outras vias.

Marte em bom aspecto com Plutão: força para lutar

Outro excelente contato nesta semana é um trígono entre Marte e Plutão, começando na segunda-feira (22), exato na quinta (24) e se estendendo até a terça-feira da semana seguinte (02). Trata-se de um aspecto de grande força. Portanto, se você precisa de força para lutar, se recuperar de algo, dar uma guinada, a hora é agora.

Este aspecto tem grande afinidade com qualquer procedimento de recuperação, como fisioterapia, auxiliando também em cirurgias.

E, se você precisa colocar um ponto final em algo, junto com o sextil do Sol com Urano desta semana, é ótimo para as famosas viradas de página.

Na luta contra a pandemia, também é um aliado. Estamos em semana de fase lunar crescente para cheia (27), portanto não se pode falar na diminuição de casos, pois em vários lugares há um número grande de infecções e mortes. Contudo, este aspecto dá um bom poder de combate. No Brasil, várias cidades ficaram mais rígidas, sendo que esta rigidez pode ajudar a conter a explosão dos casos e o colapso dos hospitais.

Saturno em quadratura com Urano: a marca de 2021

Ainda que a última semana de fevereiro esteja, como deu para notar pela descrição, especialmente positiva, neste mês ocorreu a quadratura exata de Saturno com Urano, que vai permear 2021 inteiro, ficando novamente exata em junho e dezembro. Esta combinação, conforme explicado no artigo das previsões gerais para 2021, é dada a grande instabilidade coletiva, a aumento de terremotos e fenômenos da natureza de grande intensidade e imprevisibilidade. Veja notícias da semana passada associadas a ela.

– 16/02: tornados e onda de frio deixam mortos e paralisam vacinação contra a COVID-19

– 16/02: vulcão Etna na Itália entra em erupção e fecha aeroporto

– 16/02: naufrágio no Congo deixa ao menos 60 mortos

– 17/02: tempestade violenta deixa 21 mortos e milhões sem energia nos EUA

– 17/02: dezenas de estudantes são raptados de escola na Nigéria

– 18/02: Jerusalém amanhece coberta de neve após seis anos sem o fenômeno

– 18/02: forte terremoto deixa diversos feridos e rastro de destruição no Irã

– 19/02: Portugal vive pior momento desde o início da pandemia, com lotação alta em cemitério de Lisboa

– 21/02: avião sofre pane no motor e solta destroços nos Estados Unidos

Deixe um comenário