Céu da semana de 9 a 15 de agosto de 2021

Por

Semana começa com agitação, mas também tem lado sonhador e tendência a dispersão, melhorada com Mercúrio em Virgem a partir da quarta-feira

A semana de fase lunar nova traz agitação e busca por mudanças, na quadratura entre Sol e Urano, que vem desde a semana passada e está presente até a terça-feira (10).

As falas estarão mais fortes e contundentes, na oposição do planeta Mercúrio no orgulhoso Leão com Júpiter. O desafio vai ser equilibrá-las, e também cuidar com excesso de falatório e dispersão no cotidiano.

Mercúrio ingressa em Virgem, um de seus dois domicílios, na quarta-feira (11), onde vai transitar até o final do mês, proporcionando uma forma de pensar mais técnica e precisa que vai ser muito produtiva para trabalho e questões práticas.

Vênus se opõe a Netuno, trazendo à tona um lado mais sensível e sonhador, sobretudo nas relações, e com mais tendência a enganos no uso do dinheiro.

Mas Vênus também faz trígono com Plutão, o que reforça a proximidade nos relacionamentos e pode trazer negócios interessantes, os quais, porém, terão de ser antes avaliados, em razão da influência também da oposição de Vênus com Netuno, propícia a enganos e distrações.

Sol/Urano: agitação da semana passada ocorre até terça-feira

Até terça-feira (10), o Sol quadra Urano, aspecto que já vem da semana passada e que pode ter causado agitação, acontecimentos imprevistos, questionamentos, bem como impulso por mudanças.

Ele está presente na Lua nova de 08/08, cujo mapa astral reverbera até 06/09, início da próxima lunação. Assim, observe como levar este aspecto agitado durante cerca de um mês dentro de você. A Lua Nova aconteceu em Leão, sendo o lado positivo dela um aumento da vitalidade e criatividade. No contexto coletivo, o efeito de Sol/Urano é o mesmo, de grande agitação, além de propensão a protestos e situações inesperadas no espaço de um mês.

Pensamentos mais exagerados, inflamados ou com dispersão até quinta-feira

De terça (09) a quinta (12), Mercúrio se opõe a Júpiter. Mercúrio é o planeta do plano mental e do cotidiano. Do lado negativo, esta combinação tende ao exagero no plano mental e dispersão e excesso de atividades no cotidiano. Como Mercúrio rege comunicação, notícias também podem ser exageradas e mais gente pode ficar como “dono da verdade”. Há também tendência ao falatório e verborragia. Assim, vai ser preciso um pouco de disciplina para voltar aos eixos, produzir e ao mesmo tempo buscar estímulo, mas sem se espalhar demais, um dos desafios deste aspecto.

Do lado positivo, Mercúrio/Júpiter gera entusiasmo e acende o otimismo nas ideias. Há um desejo de progredir e ir além. Só vai ser preciso avaliar algumas situações com mais cuidado, para não super estimar algo ou cometer exageros.

Mercúrio ingressa no hábil Virgem na quarta-feira

Depois de um período em Leão (27/07 a 11/08), Mercúrio ingressa em Virgem na quarta-feira (11), para transitar neste signo até o dia 30 deste mês. Mercúrio tem a ver com a forma de pensar. Em Leão, se inclina ao prazer e lazer, e, estando em um signo do elemento Fogo, tende a ficar mais espontâneo e inflamado, sendo que o aspecto do tópico acima realça esta característica.

Em Virgem, que é um dos dois domicílios de Mercúrio, isto é, um dos dois signos em que o planeta rege e no qual fica muito bem, o pensamento se esfria em relação ao posicionamento anterior, pois Virgem é um signo mais pragmático e técnico, pertencente ao elemento Terra. Assim, Mercúrio em Virgem tende a avaliar com mais tecnicidade as questões. Além disso, é um posicionamento bastante voltado a encontrar formas de resolver problemas, e com um grau de observação e detalhismo. O plano mental também se volta naturalmente para assuntos práticos, tais como trabalho, saúde, sistemas, etc. O trânsito de Mercúrio em Virgem favorece a produção trabalhos mais minuciosos e complexos, e é ótimo para adquirir habilidades práticas e entender melhor de assuntos.

Vênus/Netuno e a abertura ao sonho e à fantasia

Vênus faz dois aspectos nesta semana: uma oposição com Netuno até a quinta-feira (12) e um trígono com Plutão até sábado (14).

O primeiro nos deixa mais carentes e/ou sonhadores. Sentir falta de alguma coisa é a cara de Vênus/Netuno, seja de algo ou alguém do passado ou mesmo de algum tipo de alguma coisa que nunca aconteceu. Com forte inclinação para a contemplação, este aspecto reforça a oposição Mercúrio/Júpiter e traz um lado que gostaria de curtir e “ficar vendo série” ou “ficar sentado em uma cadeira na praia” ou qualquer coisa semelhante. Alguns sentem uma preguiça maior para o trabalho sob esta influência.

Dada a uma maior sensibilidade, há mais potencial de decepção nas relações interpessoais durante estes dias. E é um aspecto que pede cuidado com compras, que tendem a ser feitas sem avaliar tão bem, e, com isto, sujeitas a enganos, sendo mais fácil também cair em truques de marketing ou na conversa do vendedor. O dinheiro pode escoar mais facilmente por estes dias, por isto atenção com gastos. E, se desejar firmar parcerias por estes dias, avalie se os termos e condições delas estão bem claras para ambas as partes.

No amor, para solteiros, em contatos novos, fique atento se você não está idealizando o outro ao invés de querer enxergá-lo com mais realismo. Nas relações existentes, a demanda vai ser por maior delicadeza e cuidado.

O trígono de Vênus com Plutão, por sua vez, tem forte erotismo, o que pode turbinar relacionamentos recentes ou os existentes. É também um aspecto de ligação e intimidade nas relações em geral. Nas finanças, pode indicar o fechamento de negócios em que ambos têm um ganho, mas atente para o que foi dito anteriormente, pois Vênus também se opõe a Netuno nesta semana.

Receba notificações astrológicas de Vanessa Tuleski no Telegram 

Deixe um comenário