Lua Nova e eclipse de 14/12/2020 traz esperança e novos projetos, mas alerta em relação a vulnerabilidades e equívocos nos próximos 6 meses

Por

COVID-19 ainda vai ter grande potencial de contaminação nos próximos 6 meses, mas possível chegada de algum tipo de vacina neste prazo pode trazer algum tipo de começo para modificar quadro

No dia 14/12, às 13h16 de Brasília, ocorre a última Lua nova de 2020, a qual também vai ser um eclipse com visibilidade total no Sul da Argentina e do Chile.

No Brasil, em São Paulo e no Rio de Janeiro, o disco do Sol vai ficar encoberto em cerca de 40%, começando em torno de 11h33 e terminando às 15h53.

E quais são as particularidades desta Lua Nova? Como Lua Nova, os efeitos dela permanecem até 13/01/2021, data da próxima Lua Nova. Todavia, o eclipse atua, ainda, por mais cinco meses adicionais, até 10/06/2021, próximo eclipse solar.

E qual vai ser a cara desta Lua Nova e eclipse?

Destaque para Áries: tempos de ação

Marte, o planeta da energia, está em Áries, no seu próprio domicílio, e, ainda por cima, em grande destaque, por ocupar a Casa 1 do mapa de lunação, que, por sua vez, começa em Áries. O que isto fala? No melhor de Áries, em tempos de ação, coisas novas e iniciativa.

Porém, Marte faz uma tensa quadratura com Plutão, na Casa 10, e isto implica em riscos. Os números de contaminação e mortes por COVID-19 estão bastante altos no Brasil e em várias partes do mundo. O momento não é de brincadeira.

A quadratura envolvendo Áries e Capricórnio pode indicar um certo choque entre a vontade de autonomia (Áries) versus regras e restrições (Capricórnio). Fazendo uma comparação, é como uma pessoa cheia de energia caminhando em um cenário perigoso ou, ainda, lutando contra um oponente bastante forte.

A quadratura, assim, tem um aviso claro: evite bater de frente com algo ou alguém que seja mais poderoso que você nos próximos 6 meses, pois a tendência é sair perdendo. É hora de respeitar o lado em que estiver concentrado maior poder.

Um outro significado é o de realizar ações, tarefas e transformações em cenários que podem ser complexos, em um momento “mãos à obra”. A tríplice conjunção de Júpiter/Saturno/Plutão na Casa 10 mostra grandes tarefas e desafios, que, aliás, já foram uma marca desse 2º semestre, em que Marte ficou em tensão frequente com estes planetas (veja artigo).

A quadratura Marte/Plutão, contudo, favorece transformar onde for possível fazer isto, isto é, no que depender de você. Um bom exemplo disso foram as pessoas que, a partir de agosto, batalharam (Marte em Áries) para perder o excesso de peso adquirido na pandemia. Foi graças a determinação de um contato como este, que esteve presente desde aquela época, bem como Marte/Saturno (aceitar restrições, algo obrigatório para emagrecer).

Lua Nova em Sagitário: muitos planos e esperanças

A Lua nova e eclipse acontecem no signo de Sagitário, sendo que Mercúrio também faz parte da conjunção. Mas há um detalhe importante nisso tudo: os três planetas quadram Netuno, sendo que o aspecto mais próximo do planeta gasoso é com Mercúrio.

Traduzindo o “astrologuês”, significa que estamos em um compasso de otimismo, que é de Sagitário, que temos grandes planos para o próximo ano. E que, em muitos casos, nossa visão pode estar mais ampla, como pudéssemos farejar onde há voos que poderiam ser maiores e progresso.

Contudo, a combinação de Sagitário, mais um eclipse e mais Netuno pode inspirar um otimismo, em muitos casos, exagerado. As perspectivas de uma vacina em algum momento de 2021 têm feito muita gente descuidar em relação a pandemia, dando-a como resolvida e finalizada, quando, bem pelo contrário, continua a acontecer e, em muitos lugares, com mais contaminações e mortes.

O eclipse, que leva Netuno junto, faz com que esta tendência a contaminação continue presente nos próximos 6 meses, tempo de duração de um eclipse (há quem fale que um eclipse solar total dura até o próximo eclipse solar total, o que estenderia o prazo deste até dezembro de 2021, o único eclipse solar total do próximo ano).

Assim, podemos ter grandes planos, e é ótimo. Sagitário realmente amplia a visão, inspira e está destacado na Casa 9, ligada a grandes projetos, estudos, especializações, busca de maior alcance e publicações. Rege também as viagens, que ficam bastante dificultadas pelo contexto de pandemia. Ainda assim, vamos nos sentir inspirados a tocar os nossos planos que não dependem do plano físico e a acreditar no futuro, apesar de fragilidades com as quais já estamos lidando em 2020.

Quais vão ser os 10 pontos delicados para os próximos 6 meses?

– Mercúrio quadra Netuno, o que poderá trazer muitas notícias confusas, falsas ou desencontradas neste mês (no efeito da Lua Nova) e para os cinco meses restantes (no efeito do eclipse). Então, mais trabalho de checagem vai ter de ser feito para não acreditar de cara em qualquer mensagem que surja em redes sociais, aplicativos e até em falsos gurus ou influenciadores, que podem espalhar mentiras. Observe-se o que isto vai gerar sobre a questão das vacinas: o assunto deve ser alvo de muita polêmica e notícias equivocadas.

– Na vida pessoal, fique mais atento a papéis e contratos, que vão exigir uma atenção maior para evitar arrependimentos futuros por algo que não foi visto ou levado em conta. E trabalhe para evitar mal-entendidos, que também vão ser mais comuns (“A” fala algo e “B” entende outra coisa).

– Aumento de falhas na Internet, equipamentos e comunicações.

– Melhor não atuar com o lado sombra de Sagitário (lembrando que todo signo tem o seu), isto é, como “dono da verdade” e/ou ter comportamentos arrogantes e hiperconfiantes (os antigos tinham um bom ditado para isto, “contar com o ovo antes de ser posto pela galinha”), pois isto poder gerar muitos problemas que poderiam ser evitados. Não é hora de ser cego, imprudente ou desatento com dados e com a realidade.

– Talvez, em alguns assuntos, venhamos a não ter muita clareza por um tempo, até que uma hora surja uma direção mais clara. Então não estranhe se ficar nublado por algum tempo em algo, com pouca clareza, ou andando em círculos. Ou, ainda, um tanto apático.

– Cuidar, também, com projetos inconsistentes de estudo. Veja se realmente quer fazer a especialização ou faculdade a que se propõe ou se é algo, no lado negativo dos signos do elemento Fogo, “fogo de palha”, motivado por uma empolgação, e não algo real para a sua vida, que realmente vá resultar em um novo caminho ou direcionamento. Por outro lado, muita gente poderá caminhar bem com seu projeto de estudos, ainda que com algumas fases de alguns atrasos ou problemas de comunicação.

– É grande a possibilidade é que o ensino superior, regido por Sagitário, continue sendo realizado à distância, devido às altas taxas de contaminação.

– A Justiça, em muitos casos, vai estar mais confusa, morosa ou sujeita a erros, seja no âmbito pessoal ou coletivo. Trocando em miúdos, podem sair algumas sentenças surpreendentes no sentido negativo e até equivocadas. Há potencial de corrupção envolvendo determinados resultados.

– O grau do eclipse quadra o planeta Netuno do mapa da Independência Americana. Netuno é um planeta de contaminação. O aspecto não é nada bom no que se refere à pandemia para aquele país. Contudo, no mapa do eclipse, um trígono do Sol/Lua/Mercúrio com Marte pode indicar a agilização das vacinas, nos próximos 6 meses, a fim de começar a atuar em um cenário que vem sendo, basicamente, de “enxugar gelo”. Ou seja, desde que a pandemia começou nos EUA quanto mais doentes se tratam, mais doentes surgem, e, no Brasil, está acontecendo de forma semelhante, com a vinda de possíveis vacinas também podendo fazer a diferença para tentar começar a se reverter este quadro.

– No mapa da Independência do Brasil, o grau do eclipse quadra Mercúrio. A dificuldade aqui pode envolver comunicações, entendimento, chegar a um acordo, notícias, imprensa e polêmicas. Tudo isto vai ficar muito ativado pelos próximos 6 meses.

Outras questões do mapa de 14 de dezembro

Urano ocupa a Casa 2, do dinheiro. No pior, podem surgir algumas despesas ou gastos inesperados, como o famoso impulso de comprar algo não planejado. No melhor, fomenta a criatividade para gerar novas formas de ganho. Urano vem tentando inspirar esta tendência desde 2019, quando entrou em Touro “para valer”, e, mais do que nunca, isto foi algo muito necessário em 2020.

Netuno na Casa 12: pode ser bom tirar um tempo para você, seja para descansar ou se conectar à espiritualidade. Meditação e trabalhos internos podem ajudar para que assuntos que estejam confusos possam, aos poucos, clarearem.

Vênus em Escorpião na Casa 8: no amor, traz intensidade e química. E é uma Vênus bem aspectada com Júpiter e Saturno. Podem surgir relações, para solteiros, que iniciem na base da atração, mas que podem se tornar algo mais. Nas relações em geral, é hora de focar na intimidade. Talvez algumas arestas precisem ser aparadas, com a limpeza de ressentimentos, coisas que não ficaram bem resolvidas e comportamentos que não ajudem (como o excesso de ciúme, por exemplo), mas há boas chances de isto conseguir ser feito e haver bons resultados.

De um modo geral, tende a existir menos impulsividade e imaturidade nas relações em geral, o que é bom, a menos que facetas negativas do mapa de lunação levem a atitudes arrogantes e a disputas de poder desgastantes e totalmente desnecessárias.

Vênus também é um indicador de dinheiro. O aspecto pode representar potencial de injeção de dinheiro, empréstimos e patrocínios para negócios e empreendimentos que estejam precisando disso. Vênus está em exílio (debilidade) em Escorpião, indicando estas perdas coletivas com a pandemia, mas os bons aspectos podem inspirar ações governamentais e/ou gerenciais que possam ajudar a reduzir prejuízos ou serem algum tipo de incentivo.

Confira neste artigo significado do eclipse no seu mapa natal.

1 comentário sobre “Lua Nova e eclipse de 14/12/2020 traz esperança e novos projetos, mas alerta em relação a vulnerabilidades e equívocos nos próximos 6 meses”

Deixe um comenário